QUEM SOMOS E NOSSO COMPROMISSO

Somos uma igreja evangélica, pentecostal, fundamentada na Palavra de DEUS, da qual não abrimos mão de sua importância para o crescimento da igreja e das pessoas.



segunda-feira, 7 de setembro de 2015

É TEMPO DE COLOCAR A FÉ EM PRATICA


I-INTRODUÇÃO

MATEUS 9:1-8
(Mateus 9:1) - E, ENTRANDO no barco, passou para o outro lado, e chegou à sua cidade. E eis que lhe trouxeram um paralítico, deitado numa cama.
(Mateus 9:2) - E Jesus, vendo a fé deles, disse ao paralítico: Filho, tem bom ânimo, perdoados te são os teus pecados.
(Mateus 9:3) - E eis que alguns dos escribas diziam entre si: Ele blasfema.
(Mateus 9:4) - Mas Jesus, conhecendo os seus pensamentos, disse: Por que pensais mal em vossos corações?
(Mateus 9:5) - Pois, qual é mais fácil? dizer: Perdoados te são os teus pecados; ou dizer: Levanta-te e anda?
(Mateus 9:6) - Ora, para que saibais que o Filho do homem tem na terra autoridade para perdoar pecados (disse então ao paralítico): Levanta-te, toma a tua cama, e vai para tua casa.
(Mateus 9:7) - E, levantando-se, foi para sua casa.
(Mateus 9:8) - E a multidão, vendo isto, maravilhou-se, e glorificou a Deus, que dera tal poder aos homens.

Jesus tinha se afastado um pouco da cidade de Cafarnaum, em virtude das  inúmeras multidões que o cercava,  depois de um tempo Jesus volta a Cafarnaum e logo que Ele volta ele se depara com um paralitico que era trazido por seus amigos em uma cama,  tamanha era a gravidade de sua enfermidade.

Durante o tratamento desta vida aprendemos lições demasiadamente importantes.

II - VEJA QUE O QUE CHAMOU A ATENÇÃO DE JESUS NUM PRIMEIRO MOMENTO NÃO FOI O PARALÍTICO,  MAS SEUS AMIGOS CARREGANDO O SOBRE UMA CAMA E O LEVANDO ATE JESUS.

(Mateus 9:2) - E Jesus, vendo a fé deles, disse ao paralítico: Filho, tem bom ânimo, perdoados te são os teus pecados.

Veja que Jesus viu a fé deles e se prontificou a agir, a fé de quem? Com certeza dos amigos que carregavam aquela cama

Irmãos aqui vê  a importância dos intercessores, daqueles que sempre estão intervindo junto a Deus pela vida,  pela saúde,  pela vitória de outras pessoas, intercessor e aquele que está entre Deus entre os homens,  para favorecer os homens.

Por causa de um intercessor como Abraão, o Senhor prometeu que livraria a cidade de Sodoma, se a encontrasse um mínimo de pessoas tementes a Deus.
Jeremias constantemente intercedia por seu povo

(Jeremias 7:16) - Tu, pois, não ores por este povo, nem levantes por ele clamor ou oração, nem me supliques, porque eu não te ouvirei.

Veja como é importante a sua posição de não esmorecer, sua posição de ensinar, sua posição de mostrar o que agrada e não agrada a Deus, por sua causa e por sua fé e intercessão, você pode libertar, curar, salvar pessoas.

Veja a importância de ter pelo menos uma pessoa, le ando diante de Drus um clamor  pela situação de outros.

III-  OUTRA COISA INTERESSANTE E QUE SEUS AMIGOS TINHAM FÉ,  MAS UM A FÉ QUE AGIA, NÃO APENAS TEÓRICA

(Mateus 9:2) - E Jesus, vendo a fé deles, disse ao paralítico: Filho, tem bom ânimo, perdoados te são os teus pecados.

A fé pratica, ou fé ativa  é a disposição de acreditar naquilo que humanamente é impossível, e a partir daí permitir que a Palavra de Deus influencie a mente, e o espírito do homem, e a pessoa comece a agir baseados nesta crença que aquilo que é humanamente impossível para o homem para Deus não é.

Se queremos trazer a realidade aquilo que Deus deseja fazer, precisamos pensar como ele pensa, ou seja renovação da mente
.
Pv 23:7ª -“Porque, como imagina em sua alma, assim ele é; ele te diz”

Mudando a mente, o pensamento, como consequência mudamos as nossas Palavras, como você se enxerga, como você enxerga a Deus,  como você enxerga a sua obra, vai determinar o que você vai falar

O salmista estava numa situação terrível

(Salmos 18:4) - Tristezas de morte me cercaram, e torrentes de impiedade me assombraram.
(Salmos 18:5) - Tristezas do inferno me cingiram, laços de morte me surpreenderam.

Mas o salmista enxergava a Deus como realmente Ele era, enxergava a si mesmo como ferramenta na mão de Deus e falava isso,

(Salmos 18:1) - EU te amarei, ó SENHOR, fortaleza minha.
(Salmos 18:2) - O SENHOR é o meu rochedo, e o meu lugar forte, e o meu libertador; o meu Deus, a minha fortaleza, em quem confio; o meu escudo, a força da minha salvação, e o meu alto refúgio.
(Salmos 18:3) - Invocarei o nome do SENHOR, que é digno de louvor, e ficarei livre dos meus inimigos.

O eu pensamento e consequentemente as tuas Palavras vão te dirigir para o propósito de Deus em sua vida ou te afastar dele

(Salmos 18:24) - Assim que retribuiu-me o SENHOR conforme a minha justiça, conforme a pureza de minhas mãos perante os seus olhos.
(Salmos 18:25) - Com o benigno te mostrarás benigno; e com o homem sincero te mostrarás sincero;
(Salmos 18:26) - Com o puro te mostrarás puro; e com o perverso te mostrarás indomável.
(Salmos 18:27) - Porque tu livrarás o povo aflito, e abaterás os olhos altivos.

E começou a declarar sua vitória

(Salmos 18:1) - EU te amarei, ó SENHOR, fortaleza minha.
(Salmos 18:2) - O SENHOR é o meu rochedo, e o meu lugar forte, e o meu libertador; o meu Deus, a minha fortaleza, em quem confio; o meu escudo, a força da minha salvação, e o meu alto refúgio.
(Salmos 18:3) - Invocarei o nome do SENHOR, que é digno de louvor, e ficarei livre dos meus inimigos.

Um exemplo de alguém que cria e que não sabia totalmente  tornar esta fé ativa estava em Ezequiel, quando foi levado ao Vale dos Ossos Secos, num primeiro momento o SENHOR pergunta.

(Ezequiel 37:3) - E me disse: Filho do homem, porventura viverão estes ossos? E eu disse: Senhor DEUS, tu o sabes.
Ezequiel cria  em Deus.

Ainda que seus olhos viam uma situação humanamente impossível de ser mudada, ele escolheu acreditar em Deus e pela sua resposta “ tu o sabes”, podemos entender que ele cria mas não sabia como mudar essa situação.

Você pode até crer, mas se não souber como colocar essa fé em ação, o simples crer não realizará o milagre.

Se eu crer, mas não colocar esse crer em prática, apenas crer não é suficiente. Fé é uma condição ativa e não passiva.

O profeta cria, mas não sabia como colocar em prática sua fé.

Então Deus lhe mostrou como colocar sua fé em prática. Deus o ensinou a transformar morte em vida.

Deus lhe disse: profetiza.

O que significa profetizar?

Profetizar é fazer com que a Palavra de Deus seja ouvida.
Não a sua palavra, mas a de Deus. Isso faz toda a diferença.

A minha e a sua palavra, quando estão cheias das Palavras do Senhor quando a Palavra de Deus está em meu coração e sai pela minha boca, ela se torna a arma mais poderosa do mundo.

Não foi isso que os amigos deste paralitico fizeram, eles tinham fé que Jesus curava, essa todos nós temos.

Mas colocaram em prática sua fé, colocaram o homem em uma cama,  começaram a carregar este homem pela rua, até chegar no local em que Jesus estava, uma fé em ação, foi isso que  moveu o coração de Jesus.

Jesus ao ver a ação da fé deles, o Senhor resolveu curar aquele homem, irmãos fé que resolve, que move o Senhor é fé com ação, não com os anos de vida dentro da igreja, não com conhecimento intelectual da Palavra de Deus, mas gente que crê e  põe em prática, com atitudes o que creem.

IV-  HÁ DOENÇAS QUE SÃO PROVENIENTES DO PECADO DO HOMEM

(Mateus 9:2) - E Jesus, vendo a fé deles, disse ao paralítico: Filho, tem bom ânimo, perdoados te são os teus pecados.

Aqui vai o evangelho de verdade, aquele que tem a função de alertar, de incomodar o pecador, de lhe mostrar que viver da forma que desagrada a Deus, pode provocar muitas adversidades, inclusive as de saúde.

As vezes achamos que o pecado e sua consequência ou são estórias de anciãos para nos assustar e não realizar certas coisas, ou aqueles que acreditam um pouco mais acreditam que isto é coisa para o futuro,  não tem influência em minha vida física.
Mas a Palavra de Deus mostra que há enfermidades espirituais

(Salmos 38:2) - Porque as tuas flechas se cravaram em mim, e a tua mão sobre mim desceu.
(Salmos 38:3) - Não há coisa sã na minha carne, por causa da tua cólera; nem há paz em meus ossos, por causa do meu pecado.
(Salmos 38:4) - Pois já as minhas iniqüidades sobrepassam a minha cabeça; como carga pesada são demais para as minhas forças.
(Salmos 38:5) - As minhas chagas cheiram mal e estão corruptas, por causa da minha loucura.
(Salmos 38:6) - Estou encurvado, estou muito abatido, ando lamentando todo o dia.
(I Corintios 11:30) - Por causa disto há entre vós muitos fracos e doentes, e muitos que dormem.
"O coração calmo é a vida do corpo de carne, mas o ciúme  (que é pecado)é podridão para os ossos." (Provérbios 14:30)

No texto dos amigos do paralítico a gente vê isso claramente a gente vê o Senhor vendo o esforço daqueles homens para trazer um  homem gravemente enfermo humana cama, e sabia que aqueles homens e o próprio homem queria sair dali curados, e o que Ele faz?

 Ele ministra a Palavra de perdão dos pecados,  ele sabia que o homem ficaria são,  mostrando que há doenças  e doenças graves decorrentes de pecados.

Aí entendemos a importância de objetivo principal da vida da igreja, não e orar por cura, mas sim a  de pregar a a Palavra de Deus para que a pessoa ouça,  entenda tome uma posição e seja restaurada.

Tem muita gente que pela intercessão do povo de Deus, são curados fisicamente, mas sua vida espiritual ainda não está fixada e o que acontece é que novas doenças ou até mesmo o retorno de certas doenças que pareciam estar curadas retornam, tem muita gente preocupada apenas em curar enfermidades, mas se não tratarmos do espírito daquela pessoa, isto se torna inútil.

V) JESUS CONHECE AS INTENÇÕES DE SEU CORAÇÃO

(Mateus 9:4) - Mas Jesus, conhecendo os seus pensamentos, disse: Por que pensais mal em vossos corações?

Veja que quando os fariseus entenderam ser blasfêmia Jesus perdoar pecados, haja visto que o pecado só pode ser perdoado, por aquele contra o qual se, pecou, mostrando que  eles não entendiam que Jesus era o Senhor encarnado, Jesus disse porque que eles estavam pensando mau em seu coração.

Amados por isso a aparência, o ritual a liturgia, pouco significa para Jesus que olha para o interior do homem suas motivações,  aquilo que só voce e ele sabe que é o objetivo das coisas.

VI- SÓ VAI HAVER MILAGRE SE AQUELE QUE RECEBE TAMBÉM TIVER UMA ATITUDE DE FÉ

(Mateus 9:6) - Ora, para que saibais que o Filho do homem tem na terra autoridade para perdoar pecados (disse então ao paralítico): Levanta-te, toma a tua cama, e vai para tua casa.
(Mateus 9:7) - E, levantando-se, foi para sua casa.

Veja que Jesus queria cura-lo, e ministra sobre o enfermo mas diz a ele que ele  que sua cura só veria se ele colocasse em prática sua fé, ou seja andar,  tomar a sua cama e vai para atua casa, imediatamente, não teve preparativos, não teve tempo para entender as coisas, não teve aquele evangelho da paciência, da erva doce , da camomila, que muitpos de nós tem pregado por aí, foi radical e não foi faciul para o paralitico.

Uma enfermidade grave traz um serie de consequências, dor, atrofia,  tonturas, o paralítico poderia escolher não se mexeir que não havia sentido nada,  mas não pela fé diz a Palavra wue ele agiu e saiu curado.

Conclusao:

Irmãos Jesus nos ensina a nossa importância na vida das pessoas, o quanto somos importantes para o mover de Deus na vida das pessoas, aqueles amigos foram vistos por Jesus e sua fé fez Jesus se mover sobre o paralitico.
Porém é importante notar que é preciso também atitude de quem esta na luta para poder manter sua vitória.

Mostra ainda que pecados tem destruído a saúde das pessoas, e nos precisamos pregar a Palavra para transformação em primeiro lugar

Nenhum comentário:

Postar um comentário