QUEM SOMOS E NOSSO COMPROMISSO

Somos uma igreja evangélica, pentecostal, fundamentada na Palavra de DEUS, da qual não abrimos mão de sua importância para o crescimento da igreja e das pessoas.



quinta-feira, 25 de junho de 2015

Cuidado a quem você dá ouvidos, há quem você permite que te influencie


Na vida estamos rodeados por um sem número de testemunhas,  que vivem dando sua opinião sobre as coisas, e nos constantemente as escutamos,  e algumas vezes adotamos como regra de vida aquilo que esta sendo falado,  porém precisamos tomar muito cuidado com isso.

Veja o que diz o texto de Eclesiastes 7:21:" Tampouco apliques o teu coração a todas as palavras que se disserem, para que não venhas a ouvir o teu servo amaldiçoar-te"
Cuidado para não aplicar tudo o que te dizem, sem uma análise de cada uma dessas palavras, para isso quero ilustrar essa verdade com a estoria do fazendeiro,  seu filho e o burro.

Um fazendeiro e seu filho viajavam até o mercado para fazer as compras, levavam consigo um burro.

Na estrada encontraram umas moças jovens que zombavam deles dizendo:
" Como são tolos estes dois andando a pé,  quando deviam montar no burro".
O fazendeiro então virou para seu filho e disse:

"Monte no burro, para que a gente não pareça ridículo,  e seu filho obedeceu."
Ao passarem mais adiante na frente de uma aldeia, os velhos sentados a beira de uma estalagem, comentaram:

"Veja o que é a geração de hoje,  um jovem saudável e forte montado no jumento e o velho caminhando com suas pernas já fatigadas".

O pai então falou a seu filho:

"Talvez eles tenham razão,  é melhor eu montar e você ir andando,  e assim o fizeram".
Alguns quilômetros mais adiante cruzaram com algumas camponesas, passeando pelo campo, que quando olharam a cena, disseram:

" A crueldade de alguns pais para com os filhos é inacreditável, o velho em cima do burro e o jovem esgotado andando a pé". 

O pai então pediu ao filho que subisse na garupa,  pois não queria parecer cruel e o filho obedeceu.

Entraram então no mercado da cidade e os fazendeiros que lá estavam, exclamaram:
"Pobre burro,  maltratado carregando uma dupla carga, isto não se faz com os animais,  estes dois merecem ser presos, deveriam carregar o burro nas costas".

Os dois desceram e começaram a carregar o burro, quando atravessavam uma ponte o burro que estava completamente desajeitado, desconfortável começou a desferir coices acertando pai e filho e jogando - os de cima da ponte,  até que estes feridos caíram na agua".

Veja que os dois ouviram tantas opiniões diferentes,  atenderam a todas elas, e o resultado foi humilhação e dor para sua vida, sabe por que? 

Porque não devemos aplicar tudo o que ouvimos a nossa vida, sem uma análise correta de cada coisa, e principalmente para saber se estes conselhos estão de acordo com a vontade de Deus. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário